abr 13, 2015 - câmara dos deputados    3 Comments

Trabalho de formiguinha

Continuo na minha via sacra de conquistar voto a voto, apoio por apoio, para o meu projeto de lei de Educação ser aprovado. Dá um trabalho! Acredite… se verem um deputado que tem mais de mil projetos de lei protocolados, sabe como isso acontece? Eu descobri que tem gente que vende projeto de lei. Têm muitos deputados que se preocupam com quantidade, pra falar pra imprensa ‘olha, eu apresentei tantos projetos de lei’. Tem um ranking da Veja, eu nem sabia disso, que avalia os deputados. E os critérios são  número de frentes parlamentares que eles criam e número de projetos de lei. Só quantidade… Isso não significa nada. Por exemplo, tem deputado que cria a Frente Parlamentar de Apoio ao Milho. Aí, coloca um monte de meninas colhendo assinaturas e cria a tal frente parlamentar, que não tem atuação alguma. É só para gerar estatísticas. Isso é fato. É bom conhecer esses bastidores, pra ficar atento. O que vale não é quantidade, mas qualidade e a dedicação com que o parlamentar cuida daquilo que, realmente, quer lutar. É um trabalho de formiguinha, todos os dias falando com os líderes, conquistando um a um. Isso, sim, é lutar por algo que vai mudar a vida dos brasileiros.

Post sugeridos

3 Comentário

  • Bom dia a todos.

    Meu nome é Michel Gama, tenho 39 anos, bacharel em Direito pela Universidade do Grande ABC. Atualmente funcionário público, lotado no Gabinete do Governador, Grupo de Relacionamento com a Sociedade.

    Desenvolvo grande parte de meu trabalho, voltado as pessoas que precisam de amparo pelo Governo do Estado de São Paulo. Minha função é brigar por elas, junto as secretarias, para que consigam seus medicamentos, transferências médicas e cirurgias de grau médio a elevado. Gosto muito do que faço e para quem faço acima de tudo, pois não é somente o meu trabalho, mas sim uma ação de cidadão para o bem comum. Venho pensando e trabalhando minhas ideias para decidir junto a minha família e o povo de minha cidade o melhor que devo fazer e a decisão a qual tomar. Nisso, pode-se ocorrer e vir a nascer, uma futura candidatura a vereador de minha cidade. Penso que juntos, nós podemos mais! E minha primeira meta seria a doação de parte ou metade de meu salário como politico, para as instituições de caridade. O trabalho formiguinha, ouvindo a população de porta em porta, discutindo grandes ações e acima disso, fazendo o trabalho que tem que ser feito. Boa sorte a você sempre! Parabéns pelo perfil!

  • Eu adoro este trabalho de formiguinha, é nesta hora que conhecemos as pessoas que têm vontade política de verdade. Conheci muitas pessoas na época que morei em Peruíbe, participando de varias campanhas eleitorais, como dizia o Senhor Diretas, o dr. Ulysses, amassando barro.

  • Nada como aprender com uma pessoa que já nasceu em um berço político. Assim, tb estamos projetando nossa campanha: conquistando voto a voto. “Trabalho de formiguinha” ou “formiguinho”, se preferir. rsrs
    Boa sorte de lá, que ralamos por cá.
    Parabéns pelo trabalho!

Deixe seu comentário!