out 16, 2017 - câmara dos deputados    2 Comments

Não indiquei ninguém

Dias atrás, um jornalista divulgou que eu havia indicado uma pessoa para a Funasa (Fundação Nacional da Saúde) que escreveu em seu currículo ‘proficional’. Era uma nota tirando o sarro por ter indicado alguém que não sabia escrever. Fiquei possessa. Não indiquei ninguém!!! Como poderia indicar alguém se voto contra o governo? Mandei notificar o jornalista extrajudicialmente. Fiquei muito revoltada, não engulo sapo nem abaixo a cabeça. Tem de aprender a respeitar, jornalista precisa ter compromisso com a verdade, quero ver provar que eu indiquei alguém.

 

Post sugeridos

2 Comentário

  • Obvio, que a senhora deputada não indicou ninguém.
    A meritocracia deve ser para todos os setores da vida brasileira.
    Só assim vamos melhorar essa nação, tão carente de bons gestores.

  • Uma coisa que tira as oportunidades das pessoas preparadas, obvio, são as indicações politicas.
    Achei que isso era coisa do passado, se ainda está acontecendo, muito difícil mudar para melhor o nosso país.
    Chega de padrinhos, cada um deve conseguir as coisas por seus próprios méritos.
    Quando pensamos que o país está rumo as melhorias contínuas, vem uma coisa dessas para impedir que melhoramos.
    A cultura de quem indicou, deveria fazer parte do passado, os momentos atuais do nosso país são outros.
    As oportunidades devem ser iguais para todos, privilégios, que levaram o nosso país a esse estado de coisas.
    Quem indicou!

Deixe seu comentário!