fev 14, 2019 - câmara dos deputados    1 Comment

Frente sem propósito

Imagine uma rua de comércio popular, aquela bem movimentada, você com pressa, mas é parado a todo instante por quem te oferece empréstimo de dinheiro, te entrega folhetos de compra de ouro, garante trazer seu amor em 3 dias ou pega no seu braço pra ver as ofertas da loja. Pois é, assim têm sido essas primeiras semanas na Câmara. Tá difícil andar. Os corredores estão apinhados de moças à cata de nossa assinatura para integrar alguma Frente Parlamentar. É frente de tudo quanto é assunto. Só na legislatura passada foram mais de 200 criadas.

Explicando: Frentes Parlamentares são formadas por parlamentares de diversos partidos para fortalecer uma causa. Feito esse parêntese, vamos à realidade dos fatos: com raras exceções, que têm um propósito real, a maioria das frentes é criada para projetar alguém e fazer média com a base eleitoral. Não tem muita atuação no Congresso.

Tem que ficar muito ligado na abordagem insistente das ‘cata-assinaturas’. Sem ler atentamente o papel que põem nas suas mãos, corre-se o risco de colocar seu nome numa frente que não tem qualquer sentido. Eu tô fora dessa!

Post sugeridos

1 Comentário

  • A Vale é uma empresa totalmente operacional…
    Portanto, precisa de um presidente que seja operacional. não um executivo da área financeira…
    Enquanto não observarem isso, os problemas operacionais vão continuar…
    Infelizmente!!!

Deixe seu comentário!