fev 26, 2016 - câmara dos deputados    5 Comments

Salário de Dilma reduzido

temer e dilma

Temer e Dilma terão salários reduzidos

O governo propôs e os partidos aprovaram o Projeto de Decreto Legislativo (PDL) 295/15, que reduz em 10% os salários da presidente Dilma Rousseff, do vice-presidente Michel Temer e dos ministros de Estado, passando de R$ 30.934,70 para R$ 27.841,23. Agora, a matéria será enviada ao Senado. A votação, entretanto, não foi tranquila. Em plenário, o projeto levou a discussões acaloradas, com deputados da oposição chamando-o de demagógico. O líder do governo, deputado José Guimarães, rebateu as críticas, afirmando tratar-se de um esforço em prol do ajuste fiscal. Lembram que, pressionada a enxugar a máquina pública para cobrir o déficit de R$ 30,5 bilhões previsto na ocasião no Orçamento de 2016, a presidente prometeu ano passado cortar ministérios e reduzir o número de cargos de confiança? Até agora, dos 3 mil cargos que seriam extintos, apenas 346 foram cortados, e das 30 secretarias, só sete deixaram de existir.

Post sugeridos

5 Comentário

  • O governo deu bom exemplo, esse gesto deveria ser copiados por políticos de todas as áreas no país, governos estaduais, inclusive prefeitos e vereadores, também.
    Desagradando uns e outros, mas de modo igualitário a todos de um reconhecimento sincero.

  • Dos 3 mil cargos e das 30 secretárias que precisam ser extintos , poderiam fazer um Decreto onde autorize subtrair 0,01% quinzenalmente do Salário da Presidente e do Vice por cada cargo e secretária não extinta, se o fizer em menos de 2 quinzenas esses cargos desaparecerão rs rs.

  • Mas qual problema em aprovar?

  • Quando saí de minha terra natal para estudar e trabalhar, tive que pagar meus estudos, meus livros, minha alimentação, minha moradia, meu transporte, meu telefone, meus divertimentos, minha cultura, etc.
    Isso acontece com todos os cidadãos brasileiros que saem de seus lares e de suas cidades para estudarem e trabalhar.
    Sou totalmente contra privilégios, tem muitos casos que vemos por aí, a imprensa nos mostra todos os dias, o cidadão ganha bem, pode perfeitamente pagar seus transportes , suas moradias e sua alimentação, seu telefone, nada de telefone corporativo.
    Essa abundancia, essa farra que fazem com o dinheiro da nação, tem que acabar, isso não pode e não deve continuar, para o bem do país.
    Nenhum país do continente europeu fazem isso, os cidadãos de lá, pagam suas despesas.
    Nosso país é pobre, tem muita gente que não tem o que comer.

  • Reestruturação da máquina pública e um plano de cargos e salários iria fazer muito bem ao país.
    A economia do país iria agradecer!
    No livro “Fidel e a religião”, ele diz que o tempo de vida aqui na terra é muito curto, para um cidadão fazer fortuna, a não ser que ganha na loteria ou receba uma boa herança.
    Concordo plenamente no que diz o livro.

Deixe seu comentário!