set 14, 2015 - câmara dos deputados    5 Comments

Problemão à vista

A minirreforma política também votou o prazo de filiação. Hoje se exige estar filiado há pelo menos um ano num partido para ser candidato, mas a Câmara reduziu esse prazo para seis meses, o que vai favorecer quem tem a máquina administrativa na mão. Seis meses antes do pleito, o prefeito ‘convence’ os candidatos, porque tem mais bala na agulha, e atrapalha muito todos os projetos de renovação política porque, cá entre nós, há muitos candidatos que não querem se eleger, só estão em busca do fisiologismo imediato, ou seja, troca de favores e outros benefícios de interesses pessoais. Isso vai ser um problemão.

Post sugeridos

5 Comentário

  • Cometi um equivoco, no texto abaixo que escrevi, sobre jovens ricos e jovens pobres nas universidades, queria escrever universidade federal, coloquei universidade estadual.

  • Sou totalmente a favor de jovens ricos pagarem para estudar em faculdades estaduais:

    Não somos capazes de reconhecer nossos erros e nem abrimos espaços para criticas.
    É inegável que a nossa educação dispõem de recursos suficientes para que todos estudem, mas tem um fator que vejo acontecer e ninguém percebe isso.
    O jovem pobre faz o ensino fundamental 01 e o fundamental 02 e depois o ensino médio, nas escolas estaduais, enquanto os jovens ricos fazem o ensino fundamental 01 e o fundamental 02 e depois o ensino médio nas escolas particulares.
    Mas quando chega nas provas do vestibular e no enem, os jovens ricos optam pela faculdade estadual, óbvio, querem estudar nas faculdades de graça, os jovens pobres também, mas os ricos acabam passando, muitos pobres não conseguem passar e tentam por vários anos, até conseguir entrar na faculdade, parecem que os jovens ricos se preparam melhor no ensino fundamental e no ensino médio, óbvio, que tem exceções nesse caso.
    Por isso entendo que os jovens ricos que pagaram para estudar em escolas particulares, até chegar a faculdade, deveriam pagar para estudar nas faculdades estaduais, também.
    Acho que quem não tem condições, estudam de graça, que tem condições tem que pagar, porque tem condições para isso.
    Se pagaram as escolas particulares no ensino fundamental e no ensino médio, que pagam a faculdade estadual, também.
    Esse dinheiro recebido dos jovens ricos, deveriam ser aplicados na melhoria do ensino no país, já que o dinheiro que o governo disponibiliza para a educação é muito pouco, para termos uma educação de excelência no nosso país.

  • Recomendo esse livro, muito bom; “Paraiso perdido de Frei Betto”
    Viagens ao mundo socialista!

  • No livro de Frei Betto que terminei de ler, tem uma frase no seu final muito interessante; A frase é de Latzarus, onde ele disse: “A arte da politica, nas democracias, consiste em fazer crer ao povo que é ele quem governa”.

  • Puxa… um problemão mesmo…

    Gostaria de saber se esses políticos que fazem essas reformas ou leis, pensam em algum eleitor? Pensam em algum cidadão que não seja de seu próprio umbigo?
    Provavelmente nao…

Deixe seu comentário!