Meu cabo eleitoral preferido!

Ah, meus amigos, quem mais sofre em ano eleitoral é meu filho caçula, o Rafinha, 5 anos. Morre de saudade e do colinho desta mãe. Com agendas lotadas, viagens para Brasília, Minas, Curitiba e interior de São Paulo, muitos dias longe de casa, acabei fazendo uma loucura antes de seguir em mais uma viagem rodoviária pelo Estado. Hoje, na porta da escola, derreti ao vê-lo chorando. Não pensei duas vezes, coloquei ele de volta no carro, de uniforme escolar mesmo, e o levei comigo. Serão dois dias de estrada, mas eu ganhei um maravilhoso mini cabo eleitoral. Ele aprendeu a pedir voto direitinho (rsrs). Antes que alguém fale em exploração de trabalho infantil, Rafinha foi muito bem remunerado: ganhou milhões de beijinhos, apertos gostosos e chamegos!!! 😍

Post sugeridos

Deixe seu comentário!