mar 18, 2015 - câmara dos deputados    No Comments

As votações da Casa

Há dois tipos de votação na Câmara: a simbólica e a nominal. Na simbólica, você mal tem tempo de pensar. Por exemplo, tem um projeto de lei com requerimento de urgência. Ai, o presidente da Mesa diz ao microfone: “Os deputados que concordam com a aprovação permaneçam como estão”. Num estalar de dedos, ele anuncia: “Aprovado”. Por isso, é simbólica, mas é estranho. Não dá nem tempo de a gente piscar os olhos. Ele fala muito rápido.

Já a votação nominal ocorre quando um partido, ou bloco, pede verificação nominal, que é votar individualmente, com o nome da gente aparecendo no painel eletrônico da Casa. Se um deputado estiver ausente e não justificar a ausência, terá a falta descontada do seu salário. Só podem pedir votação nominal partidos ou blocos que tenham acima de 31 deputados. Por isso que é muito importante a formação de blocos, porque a gente une os pequenos, e juntos nós temos 31, podendo pedir a verificação de quórum. Votação simbólica é muito perigosa, porque é muito rápida e aprova-se o que quiser.

Post sugeridos

Deixe seu comentário!